Prefeitura reforça combate a esgoto clandestino com uso de robô denominado Tatuzinho

DSC_1105Maceió conta agora com um reforço nas operações de combate ao esgoto clandestino. A Secretaria Municipal de Proteção ao Meio Ambiente (Sempma) está usando em suas operações um robô denominado “tatuzinho”. O equipamento é capaz de entrar nas galerias de águas plúvias para detectar, além da presença de efluentes, danos estruturais.

O levantamento é feito por um robô sobre rodas equipado com uma câmera e uma lanterna, que pode ficar submerso. Maceió é a primeira capital do
Nordeste e quarta cidade do Brasil a utilizar este tipo de tecnologia em órgãos públicos. O serviço foi contratado por meio de um Termo de Ajustamento de Condulta (TAC), firmado entre o G Barbosa e a Prefeitura no valor de R$ 100 mil

Para David Maia, secretário municipal de Proteção ao Meio Ambiente, a tecnologia é um aliado na busca de irregularidades. “Por ser um local onde um humano não consegue entrar, e ser insalubre, a utilização dos robôs serve como um importante aliado no combate ao esgoto clandestino”, afirmou.

Os serviços com o novo instrumento de busca terão uma duração de um mês em Maceió, podendo ser prorrogados a depender das necessidades. Para Rosivan Mendes, fiscal da Sempma, a utilização do robô não substitui os trabalhos in loco, mas é uma grande aliada.

“O equipamento tem nos ajudado e muito a conseguir entender como funcionam essas ligações por dentro. Assim que ele aponta para nós o local exato de uma possível ligação, abrimos o boeiro ou boca de lobo. Depois disso encontramos os responsáveis, autuamos, e tamponamos o local”, explicou Mendes.

Tatuzinho

O robô consegue alcançar uma distância de 100 metros, é a prova d’água e captura imagens em tempo real dos dutos. Um relatório georreferenciado é feito na hora o que possibilita a ação dos fiscais e engenheiros na mesma hora em que é detectado os possíveis lançamentos de esgoto.

Ascom/Sempma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *