Pai de bebê morto vítima de bala perdida chora no IML

apai-bebe-sg

O pai do menino Juan Rodrigues Morales Benites, de 1 anos e 2 meses, morto com um tiro na cabeça na noite desta segunda-feira em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, está no Instituto Médico-Legal (IML) daquele município aguardando a liberação do corpo do filho. Muito abalado, Jardel Ataliba Benites anda de um lado para o outro e tem crises de choro. A morte da criança ocorreu horas depois do pai comemorar seu aniversário na casa de uma irmã, junto com toda a família.

Uma tia de Juan, chamada Kelly, acompanha Jardel no IML e conversou com o EXTRA:
– A nossa família está arrasada. Agora só pensamos no enterro, para que o Juan descanse em paz. Não temos condições de falar sobre nada, nem sobre violência.

pai-bebe-sg
O enterro do menino acontecerá às 16h desta terça-feira no Cemitério Parque da Paz, em São Gonçalo. O IML já liberou para a família o documento que atesta a causa da morte de Juan: o disparo que sofreu na cabeça. O menino estava no carro dirigido pelo pai, um Sandero vermelho, quando foi atingido. A criança estava sentada no banco de trás, entre a avó e a irmã. A mãe seguia ao lado do marido, no banco da frente.

Segundo Jardel contou à polícia, ele seguia pela rua Coronel Rodrigo de Carvalho, no bairro do Mutuá, quando viu um carro cinza e desconfiou estar sendo seguido. O Sandero freou na altura da Avenida 18 do Forte e um dos ocupantes do outro veículo atirou. A bala entrou no porta-malas do carro de Jardel, atravessou a cabeça de Juan e se alojou no painel dianteiro.
luto1
O menino chegou a ser levado para o Hospital das Clínicas de São Gonçalo, mas não resistiu ao ferimento. O corpo seguiu para o Instituto Médico-Legal (IML), onde será necropsiado. Investigadores da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí acreditam que o tiro que atingiu Juan tenha sido disparado de uma pistola ou um revólver.
O Sandero da família deve ser submetido a uma nova perícia. Segundo depoimento dos pais, eles ouviram o barulho de apenas um disparo.

Homenagem no Facebook
Na manhã desta terça-feira, Jardel usou seu perfil no Facebook para homenagear o filho. Ele postou uma foto com a mensagem “Saudades eternas”, em seguida outra com a frase “descanse em paz” e, por fim, a palavra luto. Alguns amigos de Jardel também postaram mensagens de pesar e condolências. “Que Deus conforte os corações”, diz um dos textos. Outro amigo diz ter chorado ao ver a notícia da morte pela TV: “Caramba, eu vi pela televisão e reconheci o meu irmãozinho Jardel Benites. Chorei pra caramba. Gosto muito dele”.

EXTRA