Jovem de 18 anos é estuprada após marcar entrevista de emprego pelo WhatsApp

A Polícia Civil investiga o caso de uma jovem de 18 anos que foi estuprada no Centro de Belo Horizonte na última terça-feira (2). A vítima procurou as autoridades para denunciar o crime após conversar com os pais. Ela foi alvo do agressor durante uma suposta entrevista de emprego marcada por meio do WhatsApp. O suspeito teria puxado o cabelo da garota, além de mordê-la.

De acordo com o BHAZ, a estudante contou ter visto um anúncio de trabalho no Facebook junto a um número de telefone. Ela disse ter marcado uma entrevista com o responsável pela vaga em uma loja de roupas na avenida Afonso Pena. Quando chegou ao local, o homem começou a tocá-la e perguntou se a jovem tinha mega hair. Em seguida, puxou o cabelo dela e tentou beijá-la à força. Ao resistir, a jovem foi mordida em um dos braços.

Ela ainda explicou que o suspeito disse que queria levá-la para casa dele, onde passaria por um “teste do sofá”. A vítima teria que transar com o agressor caso quisesse conseguir o emprego. Depois de conseguir se desvencilhar do agressor e ter um dos braços machucados, a jovem voltou para casa e contou tudo aos pais dela. Os dois a orientaram a denunciar o crime.

O caso está sob responsabilidade da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher de BH.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *