Cantor Cauby Peixoto morre aos 85 anos

Assessoria confirmou a notícia na madrugada desta segunda-feira, causa ainda não foi divulgada

mg_2220

O cantor Cauby Peixoto, de 85 anos, morreu no início da madrugada desta segunda-feira, num hospital em São Paulo.

A assessoria de imprensa do cantor confirmou a informação: “É verdade, ainda não sabemos a causa, mandaremos um comunicado em breve”.

Na companhia de Angela Maria, Cauby estava em turnê pelo Brasil com o espetáculo 120 anos de Música. O repertório do show era baseado no disco Reencontro, mas também contemplava faixas de outras parcerias dos dois.

Em setembro do ano passado, o cantor chegou a cancelar uma apresentação por conta de uma gripe. Em março de 2015, ele chegou a ser internado em estado grave no hospital Santa Isabel em São Paulo, mas o motivo da internação foi mantido em sigilo pela família.

Biografia

Cauby Peixoto nasceu no bairro de Santa Rosa, em Niterói (Rio de Janeiro), em 10 de fevereiro de 1931, e pertence a uma família cheia de músicos. O cantor era filho do violinista conhecido como Cadete, sobrinho de Nonô (Romualdo Peixoto), que popularizou o samba no piano, e primo de Ciro Monteiro.

Começou a carreira na música em 1949 quando abandonou o trabalho no comércio para participar de programas de calouros de rádio. Antes disso, chegou a cantar no coro da escola e também no coro da igreja que frequentava.

Cauby, conhecido pelo timbre grave e aveludado, gravou seu primeiro álbum (Saia Branca) em 1951. Cinco anos mais tarde, o cantor gravou três LPS, incluindo Você, a música e Cauby, quando lançou sua interpretação mais famosa: Conceição.

UOL e Extra